29 de abr de 2011

Transmetropolitan Art Book, uma homenagem a Spider Jerusalem


O jornalista maldito Spider Jerusalem vai receber uma homenagem em forma de livro de arte nos próximos meses. Será o Transmetropolitan Art Book, um projeto que tem como objetivo arrecadar fundos para o Comic Book Legal Defense Fund, uma organização que defende a liberdade de expressão nos quadrinhos e o The Hero Initiative, uma instituição de caridade que atende artistas dos quadrinhos aposentados em dificuldades financeiras.

Vários artistas uniram esforços para reinterpretar o mundo distópico pré-apocalíptico criado pelo escritor Warren Ellis e o ilustrador Darick Robertson. Alem do desenhista original, participam do projeto Jim Calafiore, Cliff Chiang, Molly Crabapple, Bryan Talbot, Milo Manara, Fiona Staples, John McCrea, Cully Hamner, e muitos outros. Ellis colaborou escrevendo uma introdução.

O livro terá apenas alguns milhares de cópias, está sendo financiado através de colaborações pelo site Kickstarter e já arrecadou quase 50 mil dólares. A wired publicou um preview com algumas artes bem interessantes que você pode ver abaixo.

Transmetropolitan era uma série muito foda, tinha um conceito original e muito bem desenvolvido, os personagens eram cativantes e atuais. Foi a série que capturou perfeitamente a virada dos anos '90 pros '00. Teve bons momentos, mas as vezes se perdia em comentários políticos meia boca e baboseiras moderninhas. Acho que por isso caiu de nível e foi cancelada. Sei que os fãs de Spider Jerusalem gostariam de ver a série continuar, eu mesmo acho que seria interessante se lançassem pelo menos alguns especiais.

O mundo de Transmetropolitan se parece cada vez mais com o nosso, ou o nosso mundo se parece cada vez mais com aquela porcaria decadente. As pessoas são cada vez mais egocêntricas e alienadas, os políticos e a mídia cada vez mentem mais na cara de pau, os jovens são escravos de modismos bizarros e vivem em uma realidade esquizofrênica fabricada pelas indústrias que os escravizam. Spider Jerusalem é o retrato do cara "cool" que se acha dono da verdade mas não passa de um fantoche, então não há nada mais atual!

Transmetropolitan retrata a realidade de cidades como São Paulo, onde o luxo e o lixo se encontram nas esquinas e meliantes perigosos ocupam lugares nos gabinetes do poder, fingindo que trocam de ideologia política, criando partidos oportunistas, utilizando minorias como plataforma eleitoral, e você não sabe o que é mais nojento, tudo é bizarro e desesperador.

Em nossa época de hipocrisia politicamente correta é difícil uma série dessas ter continuidade, mas por enquanto, ficamos com as imagens do Transmetropolitan Art Book:













Via Wired
...

Seja o primeiro a comentar:

Postar um comentário

Deixe a sua opinião, sem ofensas, por favor.

  ©Caixa de Gibis - Todos os direitos reservados.

Sobe