14 de jul de 2011

Os primeiros trabalhos de Alan Moore, os primeiros mesmo!


Você acha que Alan Moore começou a escrever e ilustrar com a tira de quadrinhos de detetive Roscow Moscow, em 1979, ou com com aquele cartum tosco Maxwell The Magic Cat, na revista Sounds e no jornal de sua terrinha, o Northampton Post?

Pois não foi assim. Ainda adolescente o cabeludão (ainda não era barbudão) fazia fanzines com amigos, e Embryo foi a primeira publicação de que ele participou como ilustrador e poeta. Estes fanzines, além do Fitz Rovel, eram feitos pelo pessoal do Northampton Arts Lab, um grupo de jovens hippies, eu imagino, que fazia cursos livres de arte no final dos anos 60 e início dos 70.

Foi lá que Alan Moore começou, um jovem sem futuro que tinha sido expulso da escola e não vislumbrava nenhuma pesrpectiva profissional, fazendo fanzines em xerox. Quem imaginaria que aquele jovem anônimo de uma cidade pequena se tornaria o maior de todos os escritores de quadrinhos do mundo?






Via The Gnomes Alan Moore Bits


...

Seja o primeiro a comentar:

Postar um comentário

Deixe a sua opinião, sem ofensas, por favor.

  ©Caixa de Gibis - Todos os direitos reservados.

Sobe